DCIM100MEDIADJI_0006.JPG

O K-pop na sociedade e política

O movimento do Kpop está alcançando níveis sociais e políticos nunca antes imaginados.

안녕!˜˜˜˜

Se você ainda não conhece os nomes: BTS, Blackpink e EXO, sinto muito em informar que você está desatualizado. Com a enorme influência do K-Pop, a onda Hallyu passou a ser muito mais do que apenas música, passando a exercer uma verdadeira influência sobre o estilo de vida dos jovens em todo o mundo.

Mas não pense que esse movimento é recente. O início da geração Kpopper se deu na década de 90 na Coreia do Sul, explodindo no Brasil em meados de 2008. Quem não se lembra do carnaval de 2012, onde a fantasia do momento era o famoso cantor Psy e a música hit em todas as estações de rádio era “Oppa Gangnam Style !”Depois desse momento, onde a canção bateu recordes mundiais nunca antes alcançados para o K-Pop,  foi que o gênero musical passou a ter uma relevância cultural, econômica e fashion.

Os fãs do grupo  BTS , conhecidos como Armys , resolveram fazer uma campanha para ajudar o combate aos incêndios na região do Pantanal . A fanbase brasileira lançou o projeto de financiamento coletivo pela site Benfeitoria.

Até o momento desta publicação, a vaquinha online já atingiu R$ 27 mil. Segundo os fãs, o dinheiro será destinado ao Instituto Homem Pantaneiro (IHP), uma organização sem fins lucrativos, responsável por proteger o Pantanal no sul-mato-grossense.

Os focos de incêndio iniciados em nove fazendas do Pantanal já destruíram 141.773 hectares de vegetação. Quatro dessas fazendas foram identificadas pela Polícia Federal (PF), na Operação Matáá, que investiga queimadas ilegais no Pantanal de Mato Grosso do Sul.

O grupo de fãs Army Help The Planet é organizado por brasileiros e conta com mais de 20 mil seguidores no Twitter . A iniciativa dos admiradores é unir a paixão pela banda com ações sociais. Esta, portanto, não é a primeira vez que os “armys” se envolvem em uma causa.

Neste ano, eles entraram em protestos nas mídias sociais contra o racismo e a brutalidade policial nos Estados Unidos. Os fãs do BTS igualaram a doação de US$ 1 milhão (cerca de R$ 5,1 milhões) da banda ao movimento Black Lives Matter.

Sobre a próxima Live:
A live da próxima quinta-feira (24 de setembro) irá mostrar a magnitude das ruas de Gangnam! O  bairro, que ficou mundialmente conhecido após a enorme repercussão da música Oppa Gangnam Style, é um dos mais movimentados, requintados, luxuosos e que atrai turistas de todas as partes do mundo.  

Já a live do dia 1 de outubro, mostrará o bairro de Itaewon, um novo destino turístico muito  desejado pelos  jovens amantes da cultura coreana.

A diferença deste projeto para outras lives disponíveis no Youtube acontece no tipo de gravação utilizada, pois além de ser em alta resolução, ainda apresenta os mínimos detalhes dos bairros da capital e traz a sensação de estar dentro da filmagem.

Sobre o Projeto Tour Pela Coreia:
Com as restrições no turismo causadas pela pandemia de Covid-19, o Centro Cultural Coreano Brasil elaborou o projeto “Tour pela Coreia”, que possui como principal objetivo ser a opção mais segura para conhecer os pontos turísticos mais famosos da Coreia do Sul de forma realista e sem sair de casa. A ideia é levar um pedacinho da real Coreia para cada casa, mesmo que de forma virtual, o CCCB inova, mudando completamente a maneira que conhecemos as lives. O momento que vivemos é uma fase atípica, mas o desejo de viajar e conhecer novas culturas move nações. Por isso, o Centro Cultural Coreano Brasil quer divulgar ao máximo esse projeto, pois não se trata de apenas mais uma Live, mas sim de movimentar sonhos.
Ao todo o projeto possuirá 6 lives ao vivo, que ficarão disponíveis no YouTube para o público, transmitidas em full HD pelo canal do Centro Cultural Coreano Brasil. Cada transmissão mostrará detalhes nunca antes vistos em regiões do país. Na live do dia 24 de setembro, que irá ao ar às 19 horas, o CCCB guiará os internautas pelas magníficas ruas de Gangnam.

Sobre o Centro Cultural Coreano Brasil:
Desde 2013 o Centro Cultural Coreano Brasil tem como objetivo apoiar o intercâmbio cultural entre os países, trazendo para o público brasileiro informações concisas, cursos da língua coreana, aulas de Taekwondo e culinária, eventos musicais e exposições sobre diversos temas envolvendo a Coreia do Sul.

Em suas redes sociais, especialmente no Youtube, no canal do Centro Cultural Coreano (kccbrazil), que já existe há mais de 4 anos e antes do início das Lives, contavam com cerca de 5 mil inscritos, hoje já estão com quase 10 mil inscritos, é possível acessar conteúdos didáticos e divertidos sobre: culinária, esportes, Kpop, língua coreana, festivais da cultura e muito mais.

Lives já transmitidas e disponíveis no Youtube:

Insadong – Noite https://www.youtube.com/watch?v=fIKh4IClJKw

Hongdae https://www.youtube.com/watch?v=dg7h6PVuKOY

Bukchon Hanok Village https://youtu.be/zyL2-6wjK1Y

Insadong – Dia https://youtu.be/PJJZahoVofA

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Woke And Breathing